sexta-feira, 25 de março de 2016

Geografia biblica Esmirna


             
           

            Geografia cidade de Esmirna(apocalipse)

                                       
Começaremos com a própia cidade de Esmirna.Situava-se a 50 km ao norte de Éfeso e rivalizava com ela por ser a cidade de maior destaque na Ásia.Era chamada a flor da Ásia,coroa da Ásia,orgulho da Ásia.Cidade portuaria do Mediterrâneo,aos pés dos montes Pagos,Esmirna era conhecida,e ainda é,como uma das mais prósperas cidades da Ásia Menor.Fiel a Roma até mesmo antes de esta ser dona do mundo,Esmirna construiu um templo para culto ao imperador Tibério,em 26 a.c,quando todas as grandes cidades da Ásia disputavam entre si este privilégio.(notas revista,educacação cristã,vol17,10/2000).

É geralmente aceito que Esmirna foi originalmente fundada no extremo norte da baía de Esmirna,no local denominado pelos turcos "Tepekule ou Bayrakli",estando suas ruínas localizadas na falda do Monte Spilos,cerca de 200 metros ao Estel da estação ferroviaria de Bayrakli.Esmirna,seu nome significa"Mirra',nome de uma substancia aromatica que em hebraico se chama"Mor',e em grego"Smyrma",arvore que produz,cresce na Arabia,é arvore baixa,de casca e madeira aromatica,tem galhos curtos e espinhosos,e folhas folicidas,produz uma fruta semelhante a ameixa,a palavra é usada 3 vezes nos evangelhos(MT2.11,MC15.23,JO19).O nome descreve uma igreja,perseguida até o martir,"Mirra",um dos ingredientes empregados no embalsamento de pessoas,nos perfumes prévios de seu sofrimento,tal como a igreja de Esmirna.(notasA.P.V.pp.15,1980,cpad).

No ano 2.000 a.c,os Hititas capturaram Esmirna sob o comando do rei Tudhalya 4°,havendo quem afirme que o vocábulo "Tepekule",remonta a essa ocupação Hitita,e que o rei Tudhalya é o mesmoTântalos que,segundo a tradição grega,era o rei de Lídia.Em 628 a.c ela foi conquistada por Alíatis,rei de Lidía,e destruída,deixando praticamente de existir.Porém,voltou a existir na localidade atual desde 320 a.c.havendo duas versões sobre sua reconstrução:uma que afirma haver sido Antigono e outra que diz haver sido Alexandre,o grande,atravez de seu general Lisímaco quem a reedificou.Sabemos,porém,haver sido Lisímaco quem urbanizou de tal modo a toma-la a cidade mais linda da região nos tempos antigo.(notas,ibid,A.P,V,pp.20).

A nova Esmirna,a atual,tem a glória de ser  o berço de Homero,o autor da obra"Odisséia"e da "Ilídiada,livros que sendo antigos,ainda circulam em nossos dias,inclusive em idioma português.Também sabe´se haver vivido ali Herótodo,o chamado "pai da história",o geografo Estrabão e Pausânias,que era também geógrafo e historiador,e todos foram vultos de renome universal em seus tempos.Outro vulto histórico que ali esteve,foi Alexandre,o grande,a quem a população esmirniana não ofereceu resistencia guerreira,motivo por que foi por ele protegida,conforme era seu costume fazer em casos desta natureza.(notas ibid.pp.20).

A cidade se desenvolveu,tornando-se um dos principais centros e portos comerciais da época.Estas circunstâncias atrairam para ali uma grande colônia judaica grande e eram fluentes, que,seu modo,passou a influir na vida financeira,comercial,social e mesmo religiosa da cidade.Em decorrência dos macedônios haverem sido transferidos ao governo romano,mediante conquista armada.Esmirna se tornou uma das 11 cidades que constituíram a Provincia Romana da Ásia,no primeiro século da nosso tempo.(notas,ibid,pp.21).

A ultima conquista a que Esmirna foi Submetida,foi a turca,que teve lugar no ano 1.313 a.c,e perdura sob o governo turco desde,então,sendo ela uma das mais belas cidades e populosas cidades turcas,com cerca de 500 mil ou mais pessoas de habitantes,quase todos muçulmanos,porém vivendo modo de vida ocidental,ou ocidentalizada,que faz com que os turcos religiosos a denominem de Giaour Izmir.É,de fato,uma linda cidade puramente ocidentalizada á moda turca.nos tempos de João a cidade pode ter chaga a 200.000 habitantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário